28 de jan de 2015

Na hora de construir uma casa, analisar a posição solar pode ser fundamental para um melhor conforto térmico. Por isso, é necessário pl...

A importância da orientação solar no projeto de arquitetura

Nenhum comentário:
 


Na hora de construir uma casa, analisar a posição solar pode ser fundamental para um melhor conforto térmico. Por isso, é necessário planejar e pensar cuidadosamente na questão das orientações solares. De modo geral, para quem vive no Hemisfério Sul, pode-se dizer que a orientação Norte é a que atende, de maneira mais satisfatória, às principais demandas da maioria dos usuários.
Existe um nível mínimo de insolação diária: sol quando se precisa de calor no inverno, e sombra quando não se quer calor no verão. Quanto mais para o Sul se vive, mais válido é esse conceito. Isso se deve à variação dos ângulos que o sol forma com a superfície da Terra em seu movimento aparente, nas diferentes épocas do ano.



No inverno, o sol forma um ângulo pequeno em relação à superfície da Terra. Sendo assim, as fachadas voltadas para o Norte ficam banhadas de sol durante quase o dia todo. Os cômodos com a face para o Norte têm sol das 9h às 15h, aproximadamente. Isto evita o sol de fim de tarde, proporcionando mais conforto térmico aos dormitórios durante a noite.  Isso porque o ângulo que o sol forma com a superfície da Terra durante o verão é maior. Portanto, ao meio-dia, o sol está a pino, incidindo com força nas coberturas dos edifícios.
A orientação Sul costuma ser problemática, pois não recebe sol durante o inverno e, no verão, os raios incidem somente nas primeiras horas da manhã e nas últimas horas da tarde. Escolha voltar para essa direção apenas cômodos secundários ou de permanência transitória, como escadas, depósitos, garagem, entre outros. Deve-se dar uma atenção especial aos problemas que podem ser causados pela falta de luminosidade nesses ambientes, como umidade e mofo.



Por sua vez, a orientação Sudeste pode ser boa para áreas de serviço. Por último, as orientações Leste e Oeste apresentam características parecidas em relação à incidência dos raios solares, mas em horários diferentes do dia. As fachadas voltadas para o Leste recebem sol pela manhã. Já nas fachadas direcionadas para o Oeste, o sol bate à tarde. Ambientes voltados para o Oeste, no entanto, costumam ser mais quentes, já que o sol da tarde é mais intenso e deixa o imóvel com temperaturas mais altas à noite.

Nenhum comentário: